<em>O sentido</em>, poemas de Franck Meyer e ilustración de Serxio Suárez

O sentido, poemas de Franck Meyer e ilustración de Serxio Suárez

0 comentários 🕔11:30, 16.Abr 2014

O sentido do que chaman… o paro

despois
xa non
corazón
cuncha
encollerme
dominan
esborrállase
traballo
algo

(Premer en cada verso para acceder aos poemas)

2014 04 Serxio Suárez Valo

Sem comentários

Ainda não há comentários

Ninguém deixou um comentário para este post ainda!

ESCREVA UM COMENTÁRIO SOBRE ESTE POST

Escrever um comentário 

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *