Sonhadores: Cabeças sementes, Série “Histórias do Universo dos Falantes” História 07/40

0 comentários 🕔12:30, 12.Nov 2014

Série “Universo dos Falantes // e-book “As mais de 40 histórias do Universo dos Falantes” #euamocriar

Lu 80x80x80-009 (SONDAVIDA Sonhadores da vida) (1)

Lu 80x80x80-009 (SONDAVIDA Sonhadores da vida) (2)

Lu 80x80x80-009 (SONDAVIDA Sonhadores da vida) (3)

Lu 80x80x80-009 (SONDAVIDA Sonhadores da vida) (4)

Lu 80x80x80-009 (SONDAVIDA Sonhadores da vida) (5)

Lu 80x80x80-009 (SONDAVIDA Sonhadores da vida) (6)

Eles decidiram esquecer o mundo real e deixaram suas cabeças voarem, tornando-se “inúteis” sonhadores.

Girafas metafísicas.

Costumam encontrar com seres fantásticos que se escondem nas paredes meditabundas de cômodos sombrios.

Gostam de ver as linhas das perspectivas que se formam nos móveis, no momento de um olhar atento a eles.

Transformam os rostos humanos em formas, traços e cores em movimento.

Envolvem-se e deixam-se levar por histórias tão fantásticas, mesmo sendo apenas um fato corriqueiro da vida cotidiana.

Quando nos olham ou ouvem estão, em verdade, olhando o infinito mágico que se deslumbra naquele momento.

Sabem ver nossos olhos e as fontes de energia radiante que brotam dos corações vivos na verdade.

Sonham acordados e vivem sonhadores criando não um, mas diversos mundos paralelos.

Sonham com caracóis que sonham com sonhadores que sonham com caracóis coloridos. Um sonho total.

Doidejam e vivem criando, e criando, curam suas loucuras abarrotadas.

Veem de tudo…

Sabem que existem seres em constante movimento que estão em nossa volta e que plantam pequeninas sementes em uns buraquinhos que existem em nossas cabeças. Na cabeça deles estas sementes brotam e dos buraquinhos nascem cabeças e mais cabeças…

E assim vão indo, entumecidos de ideias e outros mundos de mais cabeças.

E assim, desprendem-se de sua origem essencial e voam longe e mais longe, explorando novos lugares, criando novas sementes, prontas para serem plantadas em novas cabeças.

Tudo vai se repetindo, pois criar é um ato infindável de fazer nascer cabeças sementes que, sem a mente, mentem sobre o real.

Sobre o autor / a autora

Lu Paternostro

Lu Paternostro

(Brasil) Chamo-me Luciana G. Paternostro mas assino minha produção artística como Lu Paternostro. Sou artista plástica, designer, ilustradora, amante da fotografia e da cultura tradicional brasileira. Nasci e vivo em São Paulo, na capital. Fui aluna de importantes artistas brasileiros como Julio Plaza, Nelson Leirner, Evandro Jardim, Regina Silveira, Donato Ferrari, Donato Chiarella. Já participei de várias exposições coletivas e de publicações do segmento da arte e design. Como designer desenvolvo ininterruptamente trabalhos com meu grafismo, particularmente a série “Mundos Intrincados”, desde a década de 80, gravitando entre a expressão artística, a arte aplicada, integrando as minhas ilustrações ao design de produtos e peças publicitárias. Atualmente exploro a arte multimídia também, migrando meus grafismos para um ambiente interativo, permitindo a participação do público na minha criação, explorando novos meios que permitem a fruição de meus desenhos, personagens, cenas e mundos intrincados que vou criando.

Sem comentários

Ainda não há comentários

Ninguém deixou um comentário para este post ainda!

ESCREVA UM COMENTÁRIO SOBRE ESTE POST

Escrever um comentário 

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *