Gota

0 comentários 🕔15:00, 03.Mar 2016

rebentam-se águas contra paredes
de onde brotam as gotas
os frutos do choque
os filhos do embate

robustas, colores, fartas
ruidosas dentro do seu silêncio
caladas perante o rugir da Terra
filha do mundo

os frutos da vida
chocando contra um firmamento
de gotas, reflectindo filhos
que esperam a mama
que pingue as gotas

fundiram-se as lágrimas
caiu uma gota

Sobre o autor / a autora

João Sousa

João Sousa

(Portugal) Redactor, produtor, director, editor e músico na empresa A Besta, Músico na empresa a-nimal e Músico na empresa O Poema (A)Corda

Sem comentários

Ainda não há comentários

Ninguém deixou um comentário para este post ainda!

ESCREVA UM COMENTÁRIO SOBRE ESTE POST

Escrever um comentário 

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *