Mensagens de Michel Yakini

🔍Leia o artigo completo Fútbol, sonrisa y rebeldía! (Crônicas de um Peladeiro)

Fútbol, sonrisa y rebeldía! (Crônicas de um Peladeiro)

0 comentários 🕔09:00, 14.Nov 2016

“Caminando, caminando Voy buscando libertad Ojalá encuentre camino Para seguir caminando...” Víctor Jara - Caminando Durante as minhas andanças por Santiago e Valparaíso, percebi que futebol, dor e resistência andam de mãos dadas na história chilena. Em Santiago, alguns estádios foram campo de concentração e tortura na ditadura de Pinochet. No Estádio Chile, por exemplo, aconteceu a execução de Vítor Jara, um dos artistas mais emblemáticos do país e que atualmente tem seu nome batizando a

LEIA MAIS
🔍Leia o artigo completo O complexo do livro emprestado

O complexo do livro emprestado

1 comentário 🕔16:45, 03.Out 2016

Sou do tipo que se sente mal quando fico sem poder ler, mas se quer me fazer parar basta pedir pra eu ler algum livro que o Vagner, o Vagnão do Sarau da Brasa, me emprestou. Não é de hoje que a gente conversa sobre literatura, recita por aí, lê as prosas um do outro, mas peguei uma mania feia de não ler seus empréstimos. Pensava que era pela falta de interesse em ler os Bukowski

LEIA MAIS
🔍Leia o artigo completo Prosa é beijo na boca

Prosa é beijo na boca

1 comentário 🕔10:45, 29.Ago 2016

“leia-me... com tesura e vontade, devagarinho com a língua...” Desejo - acorde um verso Sou desses que vive se apaixonando, que ando facinho pra conhecer novas prosas, dessas que a gente fica curioso, quer ter sempre pertinho, que viram desejo, vontade de namorar. Prosa é beijo na boca, é sintonia, experiência aberta, que flui e impulsiona intimidades, é primavera, e quando essa linguagem se desenvolve permite a poesia, o sexo. Prosa é quando a gente lê um livro, dá

LEIA MAIS
🔍Leia o artigo completo Entrevista exclusiva: Paulinho duma Perna Torta – O rei da boca do lixo

Entrevista exclusiva: Paulinho duma Perna Torta – O rei da boca do lixo

0 comentários 🕔11:30, 18.Jul 2016

Paulinho duma Perna Torta – O rei da boca do lixo.* Aos 82 anos, o homem que já foi considerado “o intocável das bocas”, rompe o silêncio, conta detalhes e curiosidades de sua vida. O menino engraxate que se tornou o cafetão mais famoso de SP, na década de 1950, revela que entre uma malandragem e outra, foi o inventor da rota da ciclovia na cidade. Por Michel Yakini De São Paulo (SP). O senhor já foi uma figura

LEIA MAIS
🔍Leia o artigo completo Um deus chamado cânone

Um deus chamado cânone

0 comentários 🕔10:00, 06.Jun 2016

“… O mercado tá de olho é no som que Deus criou...” Heavy metal do Senhor – Zeca Baleiro “… Porque não me esforço para acreditar em Deus Esforço-me para que Deus acredite em mim." O peregrino - Sérgio Vaz Esses dias me perguntaram numa palestra: O que você tem lido? A curiosidade maior era saber se os livros da periferia e de autoria negra são meu repertório exclusivo. Falei sobre algumas leituras que ando fazendo, mas principalmente da

LEIA MAIS
🔍Leia o artigo completo Elogio à palavra

Elogio à palavra

0 comentários 🕔11:50, 28.Abr 2016

“...a rima rica não vem porém se você acena o mundo se açucena e a poesia também...” Chico César cantáteis – cantos elegíacos de amozade É aí, na medula do verbo, que mora o princípio e as intenções das gestações que tu me concede. Se sou silêncio agora, pouco importa, pois tu é grito constante dentro de mim, voz presente que me aconchega sem juízos nas contradições. Musa hermafrodita de olhar-molhado, que me banha e me compõe de

LEIA MAIS
🔍Leia o artigo completo Da laje, do meu quintal e da nossa rua

Da laje, do meu quintal e da nossa rua

0 comentários 🕔11:45, 28.Mar 2016

De tanto ficar varrendo a nossa rua engoli muita poeira, muita mesmo, e achei melhor me recolher. Não consigo ficar contemplando o caos de cima da laje o tempo todo, arde os olhos. Então, vim pro meu quintal, é aqui que cuido das palavras e fico de chamego com elas. É bom que se diga: todo chamego tem lá seus dias de choque, mais ainda sim é chamego. Reguei as folhas, reforcei o varal, religuei os

LEIA MAIS