Mensagens de Ramiro Torres

🔍Leia o artigo completo Entrevista ao escritor português João Luís Barreto Guimarães

Entrevista ao escritor português João Luís Barreto Guimarães

0 comentários 🕔09:00, 25.Mai 2017

- Palavra Comum: Que é para ti a literatura? - João Luís Barreto Guimarães: Apenas mais uma palavra. - Palavra Comum: Como levas adiante o processo de criação literária? - João Luís Barreto Guimarães: Aos pouquinhos, imagem a imagem, linha a linha. - Palavra Comum: Qual consideras que é a relação entre a literatura e outras artes (música, cinema, artes plásticas, etc.)? - João Luís Barreto Guimarães: São como uma quadrilha de ladrões mas que se assaltam entre si. - Palavra

LEIA MAIS
🔍Leia o artigo completo Entrevista a Vítor Vaqueiro

Entrevista a Vítor Vaqueiro

0 comentários 🕔14:00, 11.Mai 2017

- Palavra Comum: Que é para ti a literatura? E a fotografia? - Vítor Vaqueiro: A literatura, como a fotografia, como qualquer outro meio de expressão cultural, são, do meu ponto de vista, dispositivos de compreensão do mundo, da realidade. Partilho nisto um ponto de vista que J. A. Valente —um dos poetas, ao meu ver, fundamentais— explicitara há já muitos anos, no seu ensaio Las palabras de la tribu, um texto de há quase meio

LEIA MAIS
🔍Leia o artigo completo Entrevista à música galega MJ Pérez

Entrevista à música galega MJ Pérez

0 comentários 🕔09:15, 04.Mai 2017

- Palavra Comum: Que é para ti a música? - MJ Pérez: Para min a música é un xeito de expresión. Un medio de expresión cando parte de min cara á persoa que escoita, e un cúmulo de sensacións cando son eu a que me empapo dela a través doutros artistas. - Palavra Comum: Como entendes (e levas a cabo, no teu caso) o processo de criação musical? - MJ Pérez: Non me considero "creadora" no eido da

LEIA MAIS
🔍Leia o artigo completo Entrevista a Marta Dacosta

Entrevista a Marta Dacosta

0 comentários 🕔10:00, 27.Abr 2017

- Palavra Comum: Que é para ti a poesia (e a literatura)? - Marta Dacosta: Comunicación. É fundamentalmente unha forma de comunicación, de expresión de emocións, sentimentos ou ideas, empregando as técnicas e as ferramentas que a arte nos permite. Ferramentas coas que podemos conseguir conmover e que, por tanto, inciden positivamente na recepción da nosa mensaxe. - Palavra Comum: Como levas a cabo, no teu caso, o processo de criação poética? - Marta Dacosta: Considero que é

LEIA MAIS
🔍Leia o artigo completo Entrevista a Quim Farinha (Talabarte) sobre <em>Fake</em>

Entrevista a Quim Farinha (Talabarte) sobre Fake

0 comentários 🕔09:02, 24.Abr 2017

- Palavra Comum: Como foi o processo de trabalho de Fake? - Quim Farinha (Talabarte): Deu começo há quase dous anos (ano e meio antes da saída do disco), quando estávamos a fazer umha gira na que misturávamos música e cozinha, empregando como fio condutor certas histórias de um livro chamado "Notas de cozinha de Leonardo da Vinci". Este fantástico livro dá a conhecer umha série de receitas do mestre renascentista, assim como alguns inventos que

LEIA MAIS
🔍Leia o artigo completo Entrevista a Emma Pedreira: “Prefiro o contacto co mundo a través da arte porque así o mundo fai menos dano”

Entrevista a Emma Pedreira: “Prefiro o contacto co mundo a través da arte porque así o mundo fai menos dano”

0 comentários 🕔10:00, 20.Abr 2017

- Palavra Comum: Que é para ti a literatura? - Emma Pedreira: É a miña zona de conforto, un refuxio, un lugar onde habitar as posibles vidas paralelas polas que unha persoa pode preguntarse en determinados momentos. Tamén é un lugar de preguntas e de respostas, de interpelación, autoexploración e experimentación, de aprendizaxe. Unha escola non regulamentar subsidiaria. E un buraco negro que, ás veces, ameaza con tragarme. - Palavra Comum: Como entendes -e levas a cabo,

LEIA MAIS
🔍Leia o artigo completo Entrevista ao escultor galego Nando Pereiro: “Hoxe en día hai poucas cousas máis subversivas que o compromiso coa procura da beleza”

Entrevista ao escultor galego Nando Pereiro: “Hoxe en día hai poucas cousas máis subversivas que o compromiso coa procura da beleza”

0 comentários 🕔12:00, 20.Mar 2017

- Palavra Comum: Que é para ti a arte? - Nando Pereiro: Para min a arte é, en esencia, unha forma de alquimia, un acto de transformación que acontece primeiro sobre a materia, e mais ao longo do tempo sobre un mesmo e sobre a colectividade, que remata por valorar o traballo do creador e incorpórao ao seu patrimonio cultural, facéndoo seu. Tocante ao primeiro punto, cabe dicir que hai algo máxico en converter a materia

LEIA MAIS
🔍Leia o artigo completo Entrevista ao antropólogo galego Rafael Quintía: “A antropoloxía ten que estar ao servizo da sociedade e baixar ao campo de batalla da vida cotiá”

Entrevista ao antropólogo galego Rafael Quintía: “A antropoloxía ten que estar ao servizo da sociedade e baixar ao campo de batalla da vida cotiá”

0 comentários 🕔12:20, 13.Mar 2017

Rafael Quintía Pereira. (Vigo, 1971). Licenciado en Antropoloxía Social e Cultural, Licenciado en Ciencias Económicas e Empresariais, escritor, documentalista e músico tradicional. Traballa como antropólogo profesional. É membro fundador e presidente da Sociedade Antropolóxica Galega (SAGA) Tamén foi membro fundador do Grupo de Estudos Etnográficos Serpe Bichoca e leva 25 anos vencellado ao asociacionismo e á dinamización sociocultural. - Palavra Comum: Que é para ti a antropologia? - Rafael Quintía: A antropoloxía defínese como o estudo sistemático

LEIA MAIS
🔍Leia o artigo completo Entrevista à escritora portuguesa Fausta Cardoso Pereira: “Há quem acuse a literatura de ser perigosa. Têm razão. Nunca se viram rebanhos a ler”

Entrevista à escritora portuguesa Fausta Cardoso Pereira: “Há quem acuse a literatura de ser perigosa. Têm razão. Nunca se viram rebanhos a ler”

0 comentários 🕔09:30, 02.Mar 2017

Fausta Cardoso Pereira nasceu em 1977, em Lisboa. Estudou Publicidade, Marketing, Comunicação Social e Sustentabilidade. Trabalhou como criativa copywriter, fez produção de cinema de animação e gestão de projectos na área da responsabilidade social. Alguns dos seus projectos foram premiados no Cinanima – Festival Internacional de Cinema de Animação de Espinho e pela Confederação Portuguesa de Voluntariado. Tem publicado Bom Caminho e O Homem do Puzzle. Em 2017 ganhou o II Prémio Antón Risco de

LEIA MAIS
🔍Leia o artigo completo Entrevista à escritora brasileira Susanna Busato: “A Arte é uma via inteligente para o conhecimento transformador do mundo”

Entrevista à escritora brasileira Susanna Busato: “A Arte é uma via inteligente para o conhecimento transformador do mundo”

0 comentários 🕔12:00, 27.Fev 2017

Susanna Busato, autora do livro Corpos em cena, é uma gaivota paulistana. Filha dos anos 60, meio hippie nos anos 80, virou professora universitária nos anos 90 com a poesia na rota da vida. Durante os voos virou Mestre em Comunicação e Semiótica (PUC/SP) e Doutora em Letras (UNESP/São José do Rio Preto), onde fincou o bico como professora de Poesia Brasileira, e onde tem um grupo de estudos de poesia, o GEP/CNPq. Hoje se

LEIA MAIS